Quais os cuidados antes da mamoplastia com prótese?

Quais os cuidados antes da mamoplastia com prótese?

A mamoplastia, resumidamente, é qualquer tipo de cirurgia plástica nas mamas, visando alterar seu tamanho e formato. Tal intervenção cirúrgica pode trazer resultados muito satisfatórios quando a expectativa da paciente é reduzir aspectos de assimetria, flacidez ou da mastectomia (em tratamentos contra o câncer).

Em termos gerais, a mamoplastia é recomendada em dois casos: mulheres que possuam algum tipo de sintoma patológico na região dos seios ou as que se sentem incomodadas com a própria aparência (seja com flacidez ou volume da mama). Pacientes que tenham sofrido algum trauma ou queimadura na região também podem fazer a cirurgia.

Mamoplastia com prótese: entendendo melhor

A mamoplastia com prótese é o procedimento de cirurgia estética mais realizada no Brasil. Seu principal objetivo é aumentar o tamanho dos seios em mulheres que se sintam incomodadas com o volume deles.

Alguns pontos básicos devem ser acordados entre a paciente e o médico responsável pelo caso, como o tipo de prótese, o volume do silicone, a região da incisão cirúrgica e a anestesia a ser aplicada.

As características físicas da mulher, bem como seus objetivos, influenciam no volume do silicone a ser escolhido pelo médico. Existem diversos tipos de implantação, tais como:

  • Dual plane: metade embaixo da glândula; metade embaixo do músculo;
  • Plano subfascial: o silicone é colocado abaixo da fáscia peitoral e acima do músculo;
  • Plano subglandular: debaixo da glândula mamária;
  • Plano submuscular: debaixo do músculo peitoral.

O pré e o pós-operatório da cirurgia

Como toda cirurgia, exames devem ser solicitados pelo médico antes de sua realização. Testes de urina, raio-X do tórax, hemograma, eletrocardiograma e mamografia são alguns dos exames que podem ser exigidos.

Os exames são necessários para assegurar que a paciente poderá fazer a cirurgia de mamoplastia, evitando comprometer a segurança do procedimento, certificando-se das possíveis complicações cirúrgicas que podem acometer ou não a paciente. Você pode contar com o seu plano de saúde para poder fazer alguns exames.

O consumo de tabaco deve ser suspendido antes da cirurgia. Com pelo menos duas semanas de antecipação, devem ser suspensos também o consumo de medicamentos para emagrecer, diuréticos, substâncias tóxicas e bebidas alcoólicas. A suspensão desses hábitos deve ser mantida durante o pós-operatório e até a liberação médica.

O pós-operatório da mamoplastia com prótese exige que atividades físicas sejam retomadas de maneira leve e gradual. Qualquer anormalidade deve ser imediatamente informada ao médico, tais como herpes, resfriado, infecções, líquidos saindo do mamilo, suspeita de gestação ou mesmo atrasos do ciclo menstrual.

No dia da mamoplastia, outras orientações devem ser seguidas pela paciente. Um bom estado emocional, com o controle do nervosismo e da ansiedade, é uma ótima aliada para o sucesso da intervenção cirúrgica.

A paciente também deve tomar banho fazendo uso de sabonete antisséptico, levar ao hospital um sutiã cirúrgico para ser colocado depois da cirurgia e não utilizar cosméticos e maquiagem. Roupas confortáveis e folgadas também são uma boa pedida.

É importante também que a paciente que se submeteu a mamoplastia tome medicamentos para o alívio de possíveis desconfortos apenas com prescrição médica.

Seguindo as recomendações, o pós-operatório da mamoplastia será mais seguro e satisfatório, além de auxiliar nos resultados do procedimento.